Pular para o conteúdo principal

INVESTINDO NA ETERNIDADE

Devemos colocar nossas vidas à disposição do Senhor.

Texto-base: 1 Tessalonicenses 3.8          

A alegria que temos pelo sucesso de nossos filhos espirituais é enorme; porém, não é menor a tristeza que sentimos quando os vemos fazer o caminho contrário. Paulo disse que ouvir as boas-novas trazidas por Timóteo a respeito dos tessalonicenses enchia-o de vida. Estar firme no Senhor é o que importa. A nossa recompensa será ver ou saber que o nosso fruto permanece, pois para isso fomos chamados pelo próprio Senhor Jesus. Portanto, cuide do estado do seu rebanho.
Porque, agora, vivemos se estais firmes no Senhor. (1 Tessalonicenses 3.8).

INVISTA SUA VIDA EM OUTRAS VIDAS

Paulo tinha uma apreciação grande pelas pessoas que ele levou a Cristo. Mesmo passando por privações, o apóstolo se sentia vivo pelo fato de os tessalonicenses estarem firmes no Senhor. Essa satisfação também inunda o coração de todo aquele que, verdadeiramente, faz a obra de Deus. Para essa pessoa, a alegria independente do que esteja passando ou do que esteja sofrendo, pois o que importa é o crescimento do Reino de Deus e a glorificação do Senhor.
Ver os “filhos” espirituais firmes em Deus é o que mais nos agrada. O triste para um “pai” é constatar que quem ele gerou em Cristo tem trilhado o caminho de volta ao pecado.
Não há nada que traga indignação maior do que saber que um crente está na desonestidade, retornou para as drogas, caiu em adultério, etc. Os chamados pelo Senhor se realizam ao observarem que aqueles que foram salvos por seu intermédio têm-se destacado na obra divina.

SEJA UM EXEMPLO PARA OUTRAS VIDAS

Sem dúvida, ouvir que os nossos discípulos têm obtido sucesso nos faz muito bem, como se nós mesmos tivéssemos sendo bem sucedidos. Quando soube das novas trazidas por Timóteo, Paulo recobrou o animo. Todas as pessoas beneficiadas pelo nosso ministério devem também fazer chegar até nós o relato de como foram felizes na fé. Somos sensíveis, e, por isso, ouvir tais notícias nos faz um bem tremendo.
Fica a palavra do apóstolo: Estais firmes no Senhor. Tudo o mais é transitório e tem pouca influência. No entanto, estar firme na fé ajuda aquele que assim se encontra e faz com que outros também passem a agir da mesma maneira. Isso é atingir o propósito do Senhor em todos os sentidos, segundo a direção que Ele mesmo concede.

Conclusão

Jesus disse que Ele nos escolheu e nos nomeou. Ele não fez isso para que ficássemos “marcando passos”, mas para que déssemos frutos permanentes. O Mestre ainda falou sobre a recompensa disso: seremos atendidos em tudo o que pedirmos ao Pai.
Veja como estão aqueles que, por seu intermédio, foram resgatados para o Reino de Deus. O estado deles na fé poderá ajudá-lo muito, ou impedi-lo de ser atendido.
RRSoares
Em Cristo
Marcos Ferreira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O GRITO QUE PAROU JESUS

Havia um homem interessante que andava sempre de bermudas, chinelos, com a barba crescida, e com os cabelos desalinhados! Ele parecia mesmo como um “doidão varrido”, precisava ver só! Era uma figura! O que ele fazia? Ele, simplesmente gritava e gargalhava! Ele parecia que não parava para comer! Era pelas manhãs, às vezes pelas tardes, noites, e também pelas madrugadas da vida! Ele incomodava, viu? Um grito primeiro e, depois, outro grito, complementando o primeiro e era assim que ele fazia: Primeiro: -“ Eu vou dar um grito, aqui, heim!” Segundo: - “Não faz isso, não!” Depois, soltava uma gargalhada gostosa: “Quá - Quá - Quá - Quá – Quá!” Andava, um pouco mais, e explodia outra! Mas, a bem da verdade, aquele era um GRITO INÚTIL! Era um grito incômodo, como o de Bartimeu. Ele estava gritando, ainda que de forma ERRÔNEA, mas gritava a dor do “eu” sozinho, da carência afetiva que, certamente, lhe faltava , ou a dor da incompreensão, da falta de seus parentes ou amigos, a dor dos incomodados que quer…

CADÊ A ALIANÇA DO CORAÇÃO?

— E aí, tudo bem? — pergunto. — Ah, mais ou menos — ela responde. Já vejo na resposta que ela precisa e quer desabafar. Vou perguntando, até que ela desabafa... — Olha, eu recebo as coisas que eu quero, mas minha vida não muda. Eu vou à igreja, oro por minha família e por minha vida financeira, vejo resultados, mas ainda falta algo. Acabei de chegar de uma reunião abençoada em uma de nossas igrejas e, ao fim, estava conversando com essa senhora e resolvi escrever sobre o episódio. Enquanto ela falava, eu prestava atenção olhando para a aliança em meu dedo e foi quando as palavras me vieram: - A senhora está vendo essa aliança? Sabe o que ela significa?
Ela me olhou espantada, deve ter pensado que eu era uma louca, pois não tinha nada a ver com o assunto, mas agora toda sua atenção era minha. Meu marido estava no altar aconselhando, eu apontei para ele e disse: — Quando me casei com ele, eu me comprometi a cuidar dele, ser fiel, ser companheira, fazê-lo feliz e amá-lo de todo coração. …

TRANSFERÊNCIA DE RIQUEZA

A Palavra de Deus diz: "Cantem de alegria, e seja feliz, que favorecem a minha causa justa" (Salmo 35:27). Isso significa que, aqueles que apóiam o Evangelho, fala aqui como Seu "causa justa", vai gritar de alegria e ser feliz! Estamos vendo gloriosas vitórias na terra hoje como o Evangelho está sendo pregado para as nações do mundo, e milhões de pessoas estão vindo para o reino.Esse versículo continua: "Sim, diga-se continuamente, que o Senhor seja ampliada, que tem prazer na prosperidade do seu servo." É vontade de Deus que você prosperar!Na verdade, a Palavra de Deus explica que estamos entrando em um momento em que veremos uma transferência de riqueza gloriosa para a pregação do Evangelho, para o financiamento da colheita do fim dos tempos. O dia virá em que a riqueza do pecador será dada aos justos: "O homem de bem deixa uma herança aos filhos de seus filhos: ea riqueza do pecador é depositada para o justo" (Provérbios 13:22).Já ho…