Pular para o conteúdo principal

ENFRENTANDO AS TENTAÇÕES


Texto-base: Galatas 5.24
Objetivo geral: Consagração

Propósito específico: Devemos estar prontos para enfrentar as ameaças da vida.

INTRODUÇÃO

Quem é de Cristo não vice na carne, dominado pelo desejos desenfreados (Gl 5.16). Por outro lado, aquele que, apesar de se dizer servo do Senhor, não se domina e faz da sua mente o paiol do diabo precisa, urgentemente, buscar libertação. Se a sua carne ainda dirige seus passos, ela leva seus olhos a verem o que não deveria, pensarem no proibido e desejarem coisas erradas. Ela está e é o seu verdadeiro senhor, mas precisa ser crucificada com suas paixões e concupiscências, pois, só assim, será possível levar uma vida de independência espiritual que agradará a Deus.

E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências.

CONSAGRE AO SENHOR SEUS PENSAMENTOS E SUAS EMOÇÕES

Faça um autoexame espiritual e verifique como tem sido sua vida nos últimos meses. Se você tem sido tentado a desejar coisas que a Palavra proíbe, não está andando como o Pai deseja.

Quem vive na carne, apimentado pelas paixões sensuais e cheio de desejos imundos, certamente, tem sido guiado pelo inimigo e vivido fora da presença do Altíssimo. Consequentemente, essa pessoa poderá, a qualquer momento, surpreender os seus com a notícia de que pecou. Esse modo de viver prova que ela já está presa nas teias do pecado.

As paixões carnais tiram qualquer um da presença de Deus. Grandes santos do Senhor, por exemplo, não vigiaram e, então, caíram nas armadilhas do inferno. Para esses, o prejuízo foi enorme, e muitos deles jamais conseguiram levantar-se.

TOME POSIÇÃO DIANTE DAS TENTAÇÕES

O cristão tem de se dominar. Se cedeu à tentação na mente, e ela se transformou em covil para se aninharem os espíritos da sujeira moral, ele necessita de libertação. Por isso, não brinque com seu relacionamento com Deus. Viver almejando o pecaminoso, ardendo em paixões imundas, fará de qualquer pessoa uma presa fácil para o maligno usar quando quiser. Isso é mais sério do que alguém poderia imaginar!

Quem tem dirigido seus passos, comandado seus olhos e manejado seu coração? Quando o Espírito Santo guia uma pessoa, ela passa pela vida sem sequer prestar atenção nas tentações satânicas à sua volta. A carne não pode ditar normas para aquele que, de fato, nasceu de novo, pois, se isso ocorrer, ele, como um porco que foi lavado, voltará a rolar na lama do antigo chiqueiro (2 Pe 2.22b).

CONCLUSÃO

Caso você deseje passar pela vida sem ser dominado pela carne, então, precisa crucifica-la.

O único remédio para não se tornar presa fácil nas mãos de Satanás é fugir do mal, crucificando a carne e o seu apetite voraz. Não compensa pagar para ver o que acontece com você. Já diz o ditado popular: “Quem brinca com fogo se queima”. Então, lute para agradar a Deus, e você verá o quanto isso é recompensador!

Em Cristo
Marcos Ferreira
15/11/2012
By RRSoares


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O GRITO QUE PAROU JESUS

Havia um homem interessante que andava sempre de bermudas, chinelos, com a barba crescida, e com os cabelos desalinhados! Ele parecia mesmo como um “doidão varrido”, precisava ver só! Era uma figura! O que ele fazia? Ele, simplesmente gritava e gargalhava! Ele parecia que não parava para comer! Era pelas manhãs, às vezes pelas tardes, noites, e também pelas madrugadas da vida! Ele incomodava, viu? Um grito primeiro e, depois, outro grito, complementando o primeiro e era assim que ele fazia: Primeiro: -“ Eu vou dar um grito, aqui, heim!” Segundo: - “Não faz isso, não!” Depois, soltava uma gargalhada gostosa: “Quá - Quá - Quá - Quá – Quá!” Andava, um pouco mais, e explodia outra! Mas, a bem da verdade, aquele era um GRITO INÚTIL! Era um grito incômodo, como o de Bartimeu. Ele estava gritando, ainda que de forma ERRÔNEA, mas gritava a dor do “eu” sozinho, da carência afetiva que, certamente, lhe faltava , ou a dor da incompreensão, da falta de seus parentes ou amigos, a dor dos incomodados que quer…

CADÊ A ALIANÇA DO CORAÇÃO?

— E aí, tudo bem? — pergunto. — Ah, mais ou menos — ela responde. Já vejo na resposta que ela precisa e quer desabafar. Vou perguntando, até que ela desabafa... — Olha, eu recebo as coisas que eu quero, mas minha vida não muda. Eu vou à igreja, oro por minha família e por minha vida financeira, vejo resultados, mas ainda falta algo. Acabei de chegar de uma reunião abençoada em uma de nossas igrejas e, ao fim, estava conversando com essa senhora e resolvi escrever sobre o episódio. Enquanto ela falava, eu prestava atenção olhando para a aliança em meu dedo e foi quando as palavras me vieram: - A senhora está vendo essa aliança? Sabe o que ela significa?
Ela me olhou espantada, deve ter pensado que eu era uma louca, pois não tinha nada a ver com o assunto, mas agora toda sua atenção era minha. Meu marido estava no altar aconselhando, eu apontei para ele e disse: — Quando me casei com ele, eu me comprometi a cuidar dele, ser fiel, ser companheira, fazê-lo feliz e amá-lo de todo coração. …

TRANSFERÊNCIA DE RIQUEZA

A Palavra de Deus diz: "Cantem de alegria, e seja feliz, que favorecem a minha causa justa" (Salmo 35:27). Isso significa que, aqueles que apóiam o Evangelho, fala aqui como Seu "causa justa", vai gritar de alegria e ser feliz! Estamos vendo gloriosas vitórias na terra hoje como o Evangelho está sendo pregado para as nações do mundo, e milhões de pessoas estão vindo para o reino.Esse versículo continua: "Sim, diga-se continuamente, que o Senhor seja ampliada, que tem prazer na prosperidade do seu servo." É vontade de Deus que você prosperar!Na verdade, a Palavra de Deus explica que estamos entrando em um momento em que veremos uma transferência de riqueza gloriosa para a pregação do Evangelho, para o financiamento da colheita do fim dos tempos. O dia virá em que a riqueza do pecador será dada aos justos: "O homem de bem deixa uma herança aos filhos de seus filhos: ea riqueza do pecador é depositada para o justo" (Provérbios 13:22).Já ho…