Pular para o conteúdo principal

ESCOLHAS DE VIDA E MORTE


Texto-base: Juízes 5.8 

Objetivo geral: devocional

Propósito específico: o ouvinte deverá fugir das escolhas erradas em sua vida.

INTRODUÇÃO

Essa situação não foi planejada nos Céus. Israel, enquanto fosse fiel a Deus, não entraria em guerra – e que isso sirva de aviso para a Igreja de hoje! Muitos cristãos tem escolhido deuses novos. No entanto, essa falta de temor ao Altíssimo, de confiar em Sua Palavra, tem feito seu povo sofrer tanto quanto os perdidos. Afinal, onde Se encontra Aquele que respondia aos profetas no passado? Onde estão as promessas para os servos do Senhor?

E, se escolhia deuses novos, logo a guerra estava às portas; via-se por isso, escudo ou lança entre quarenta mil em Israel? Juízes 5.8

ESCOLHAS ERRADAS NOS TIRAM DA PROTEÇÃO DE DEUS

Os planos que o Criador tem para nós são os melhores. Em Cristo, encontramos paz completa e solução para as situações mais difíceis. Porem, em muitos caos, não é o que vemos acontecer. É claro que o Todo Poderoso não planejou essa condição para nós, mas a rebeldia do povo impede que Ele aja em favor de dos Seus. Sendo assim, os fracassos que vemos hoje são resultado de uma fé fraca, poluída e impotente para vencer as forças malignas.

Se Israel tivesse sido fiel ao Altíssimo, Deus não teria permitido que a guerra chegasse àquele território. Hoje, pode-se afirmar o mesmo em relação aos filhos do Senhor. Quem guarda os mandamentos e os cumpre prova que ama o Pai. Consequentemente, também é amado pelo Pai, e o próprio Jesus o ama e Se manifesta a ele.

Tudo o que foi escrito na Bíblia Sagrada serve de lição para nós. A Igreja de Cristo deve dedicar-se mais à Palavra, e não desprezá-lA.

ESCOLHAS ERRADAS NOS FAZEM ALVO FÁCIL PARA O INIMIGO

Para receber as bênçãos e amar o bem, o certo é deixar de praticar o mal e passar a cumprir o mandamento divino. Assistir a certos tipos de filme, por exemplo, pode fazer com que alguém deixe o Senhor e se torne súdito de Eros – o deus mitológico da pornografia –, o qual nada mais é do que o próprio diabo. O mesmo acontece com os que mentem, enganam, traem etc. Eles assumem esse e outros deuses como senhores de sua vida.

Deixar de temer o Todo-Poderoso e começar a se deixar levar pelo erro fará de qualquer cristão um sofredor igual aos pecadores, pois o Senhor não pode guardar quem não se guarda. Nós nos tornamos servos daqueles a quem servimos. Então, devemos examinar, com cuidado, quem tem sido o Deus da nossa vida.

CONCLUSÃO

Muitos perguntam: “O Senhor mudou? Ele ainda responde como fazia antigamente?”. Sem dúvida, Ele não mudou, e nunca mudará (Hb 13.8). Mas, nos dias bíblicos, nem todos tinham o Senhor operando em seu favor. Somente aqueles que, de fato, serviam ao Todo-Poderoso podiam contar com Ele, pois, sem fé, Deus não pode operar (Hb 11.6ª).

Então, se você tem escolhido deuses novos, volte-se exclusivamente para o Altíssimo, e Ele cuidará de você, como sempre fez com quem Lhe serviu no passado.

Em Cristo
Ev. Marcos Ferreira
By RRSoares

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O GRITO QUE PAROU JESUS

Havia um homem interessante que andava sempre de bermudas, chinelos, com a barba crescida, e com os cabelos desalinhados! Ele parecia mesmo como um “doidão varrido”, precisava ver só! Era uma figura! O que ele fazia? Ele, simplesmente gritava e gargalhava! Ele parecia que não parava para comer! Era pelas manhãs, às vezes pelas tardes, noites, e também pelas madrugadas da vida! Ele incomodava, viu? Um grito primeiro e, depois, outro grito, complementando o primeiro e era assim que ele fazia: Primeiro: -“ Eu vou dar um grito, aqui, heim!” Segundo: - “Não faz isso, não!” Depois, soltava uma gargalhada gostosa: “Quá - Quá - Quá - Quá – Quá!” Andava, um pouco mais, e explodia outra! Mas, a bem da verdade, aquele era um GRITO INÚTIL! Era um grito incômodo, como o de Bartimeu. Ele estava gritando, ainda que de forma ERRÔNEA, mas gritava a dor do “eu” sozinho, da carência afetiva que, certamente, lhe faltava , ou a dor da incompreensão, da falta de seus parentes ou amigos, a dor dos incomodados que quer…

CADÊ A ALIANÇA DO CORAÇÃO?

— E aí, tudo bem? — pergunto. — Ah, mais ou menos — ela responde. Já vejo na resposta que ela precisa e quer desabafar. Vou perguntando, até que ela desabafa... — Olha, eu recebo as coisas que eu quero, mas minha vida não muda. Eu vou à igreja, oro por minha família e por minha vida financeira, vejo resultados, mas ainda falta algo. Acabei de chegar de uma reunião abençoada em uma de nossas igrejas e, ao fim, estava conversando com essa senhora e resolvi escrever sobre o episódio. Enquanto ela falava, eu prestava atenção olhando para a aliança em meu dedo e foi quando as palavras me vieram: - A senhora está vendo essa aliança? Sabe o que ela significa?
Ela me olhou espantada, deve ter pensado que eu era uma louca, pois não tinha nada a ver com o assunto, mas agora toda sua atenção era minha. Meu marido estava no altar aconselhando, eu apontei para ele e disse: — Quando me casei com ele, eu me comprometi a cuidar dele, ser fiel, ser companheira, fazê-lo feliz e amá-lo de todo coração. …

TRANSFERÊNCIA DE RIQUEZA

A Palavra de Deus diz: "Cantem de alegria, e seja feliz, que favorecem a minha causa justa" (Salmo 35:27). Isso significa que, aqueles que apóiam o Evangelho, fala aqui como Seu "causa justa", vai gritar de alegria e ser feliz! Estamos vendo gloriosas vitórias na terra hoje como o Evangelho está sendo pregado para as nações do mundo, e milhões de pessoas estão vindo para o reino.Esse versículo continua: "Sim, diga-se continuamente, que o Senhor seja ampliada, que tem prazer na prosperidade do seu servo." É vontade de Deus que você prosperar!Na verdade, a Palavra de Deus explica que estamos entrando em um momento em que veremos uma transferência de riqueza gloriosa para a pregação do Evangelho, para o financiamento da colheita do fim dos tempos. O dia virá em que a riqueza do pecador será dada aos justos: "O homem de bem deixa uma herança aos filhos de seus filhos: ea riqueza do pecador é depositada para o justo" (Provérbios 13:22).Já ho…